Edson e Hudson lançam CD e DVD "Faço um Circo Pra Você – Ao Vivo"
Faço um Circo Pra Você – Ao Vivo

2013

Edson & Hudson se reencontram com um picadeiro como os que marcaram sua infância no DVD e CD "Faço um circo pra você - Ao Vivo"

Irmãos lançam onze canções inéditas e revisitam nove sucessos em DVD gravado para celebrar a retomada da carreira da dupla

O palhaço, o acrobata, o malabarista, o ilusionista e a bailarina são personagens que habitam o imaginário da maioria das crianças, sobretudo nos verdes anos, quando quase tudo ao seu redor não requer maiores explicações. Para os irmãos Edson & Hudson, esse universo mágico do circo fez parte de suas vidas de uma forma ainda mais intensa.

Filhos de artistas circenses, ambos nasceram praticamente sob a lona de um circo e fizeram desse mundo mágico o quintal de suas travessuras. Foi assim que, ainda pequenos, assumiram as identidades de Pepi e Pupi, dupla infantil que encantava o respeitável público por onde quer que passasse e que despertou neles a paixão pela música e pelos palcos.

Nada mais natural então que os dois decidissem marcar para o picadeiro a volta da dupla, depois de um hiato de quase dois anos, em que cada um trilhou caminhos e projetos musicais diferentes.
A separação, que deixou um gosto de saudade na boca e nos corações de milhões de fãs, agora é passado. Isso fica claro no DVD “Faço um Circo pra Você – Ao Vivo”, o quinto da dupla - que se desdobrará no 12º álbum da carreira -, lançado agora pela Radar Records, podendo ser encontrado como kit reunindo os dois formatos (CD/DVD) e, posteriormente, também em Blu-Ray.

A gravação foi realizada em 21 de março de 2012, no Circo Stankowich - um dos maiores da América Latina -, que estava montado no Belenzinho, na Zona Leste paulistana.
O DVD reúne 23 faixas, e o CD, 14. Na galeria de fotos dos extras, outro mimo para o público fiel: a trilha de fundo com a canção "Agora chora" (Márcio Oliveira/Edson), cuja letra foi escolhida, entre 2000 enviadas, em uma promoção realizada no site oficial e nas redes sociais da dupla.

Edson é o primeiro a pisar no picadeiro, entoando "Aleluia" - versão de "Hallelujah", lançada por Sammy Hagar, ex-vocalista da banda Van Halen, em 2001 -, com uma letra que tem tudo a ver com reencontro: "Deus nunca nos deixou/ pois tudo o que ele uniu/ ninguém separou", entoa Edson, o primeira voz da dupla, anunciando a entrada triunfal de Hudson, que nem separado deixou de ser seu mano de fé, sonhos e canções.

A idéia do DVD, além de celebrar a retomada de carreira da parceria, é bem simples: presentear a fidelidade dos fãs com um punhado de canções inéditas, 11 no total, a sucessos ainda não registrados em vídeo, casos de "Porta-retrato" (Tivas/Carlos Randall), "Rabo de Saia" (Edson/Marquinhos), "Deixa Eu te Amar" (Edson/Flavinho) e "Azul" (Kike Santander-Gustavo Santander – versão Santiago Ferraz).

Não foram poucas as emoções das mil pessoas que disseram sim para a gravação do DVD no circo, sem dúvida o mais importante registrado até a aqui na carreira de Edson & Hudson. Primeiro por ouvirem em primeira mão canções novinhas em folha como a bem-humorada "Meu Amor é 10" (Fátima Leão), que brinca com a mania que o sertanejo atual está em pegar carona em carros de marcas sofisticadas. "Eu sei que meu amor é 10/ E o meu carro é um gol 1000/ A placa é 2930/ Isso faz com que eu me sinta/ o mais amado do Brasil".

A faixa, que foi a primeira a ser trabalhada no novo álbum, será sucedida por "Só Penso em Você” (Quisiera Poder Olvidarme de Ti), versão para o sucesso do cantor porto-riquenho Luís Fonsi. A canção - lançada há cerca de uma década pelos dois, mas pouco trabalhada na época - tem aquela dose dramática de paixão que marca o romantismo do repertório da dupla: "Você foi embora com meu coração/ Deixou no lugar essa dor que devora/ E só de saber que vou ter outra noite, triste noite/ solidão me apavora".

Outro momento marcante do DVD vem com os primeiros convidados especiais da noite, Leo Canhoto & Robertinho. Após uma farra generalizada no clássico "Vou Tomá um Pingão", chega a vez da reflexiva "Meu Velho Pai" (ambas do próprio Leo), escolhida por Edson & Hudson para homenagear uma pessoa fundamental para ele e o irmão: o palhaço Beijinho, patriarca da família. Enquanto a canção vai rolando a quatro vozes - "Você sofreu quando eu era ainda criança/ A sua grande esperança era me ver homem formado / Eu fiquei grande, estou seguindo o meu caminho/ E você ficou velhinho, mas estou sempre ao seu lado", Beijinho vai tirando a maquiagem, quase chorando, como alguém que passou por poucas e boas na vida errante do circo, mas que pode enfim descansar tranquilo na sua aposentadoria. Enquanto isso, nos bastidores, Vitor, filho de 10 anos de Edson, não consegue conter a choradeira, provando que a sensibilidade é coisa de sangue mesmo.

Mas é nos extras do DVD que ocorre um lance que Edson & Hudson, definem, brincando, como o momento "MMA" do DVD : Beijinho e Leo Canhoto acabam se enroscando ao fazer travessuras no palco e desabam, para gargalhada geral dos artistas e da platéia. A cena foi um dos destaques da divertida entrevista que a dupla deu, em maio do ano passado, no "Programa do Jô". O clima descontraído com a dupla convidada vem desde que Edson & Hudson eram ainda meninos, e Leo Canhoto & Robertinho apresentavam seus teatros musicados no circo em que os agora cantores famosos moravam e trabalhavam com o pai. Plenamente justificada então a razão da escolha dos dois para relembrar aqueles tempos.

Além de Leo Canhoto & Robertinho, dupla com mais de quarenta anos de carreira e pioneira na modernização do gênero sertanejo , também participam da festa circense-musical Márcio & Douglas - afilhados da dupla anfitriã, dividindo os acordes de "Baby, Tonight!" (Hudson / Edison Guedes). A exemplo de Edson & Hudson, esses dois irmãos também vêm de família circense, o que valeu para que também se sentissem em casa na gravação do DVD. Outra presença de destaque é a do Padre Alessandro Campos, abençoando a nova fase na carreira da dupla paulista e mandando uma mensagem afinada pela paz e a solidariedade, que vem a calhar nesses tempos, em "Amar ao Próximo" (Hudson).

Com Edson & Hudson é assim, uma no cravo e outra na ferradura. Para que a tristeza não finque raízes, eles juntam sempre na bagagem, ao lado dos temas românticos, embalos sob medida para os fãs mexerem as cinturas. No novo trabalho, ao menos duas faixas são perfeitas para o rebole-bole. Uma é "Muleque Biscate" (Miguel Gamazza / Lafaiete), em que um rapazinho cheio da grana e disposição parece querer que o mundo se acabe numa noitada só. "Tô solteiro, com dinheiro/ Eu vou pra balada/ Tomo whisky, energético/ cerveja gelada." Com esse pique, é bem provável que ele acabe trombando com algumas das meninas exaltadas em outro forrozinho esperto, "Mulher de Porre é Mole" (Jovelino Lopes): "Mole pra beijar, mole pra agarrar/ mole pra curtir, mole pra ficar/ Mole pra pegar e com ela sumir no mundo/ mole pra chamar a gente de vagabundo". Se beber, dance, mas não dirija - nunca é demais recomendar...

Hudson mostra que esses quase dois anos passados sozinhos não foram em vão: surge esmerilhando meia dúzia de guitarras e um violão, que vão sendo trocados conforme o timbre que cada música pede, além de exibir uma primeira voz de dar inveja em músicas como "Rosana", versão dele e Brandoff para um hit gravado em 1982 pela banda americana Toto, e "Dona do Meu Coração", também assinada com Brandoff.

Ponto novamente para o romance derramado e a coisa de pele em "Me Liga, Beijo e Tchau", de Fátima Leão, frequentadora assídua do repertório de Edson & Hudson. A melodia é pungente, e a letra, daquelas de quase se cortarem os pulsos de tanto amor. "Tô indo embora/ Quero te levar de mim com água e sabão/ Eu tô te deixando livre pra outra paixão/ Se a saudade aparecer/ Me liga, beijo e tchau". O amor dá o tom também a "Você" (Barão da Viola / Lafaiete) e à faixa-título "Faço um Circo pra Você" (Hudson / Fátima Leão). Nada mais justo então que esse amor fosse ampliado para o público daquela noite histórica no Stankowich, e agora para os milhões de tietes que poderão vivenciá-lo sem sair de casa.

Donizeti Costa - Jornalista

Assessoria de Imprensa E & H - Simone Catto
 
Divulgue o seu artista, seus produtos, sua festa de peão, sua balada em nosso canal
COUNTRY CLUB TV
Entre em contato conosco!
 
 

Country Club Brasil ©2006 - Todos os direitos resevados